quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

4 anos!


E tudo começou no Teatro... e na surpresa de mensagens e telefonemas. Coração vivido estranha manifestações intensas de atenção... Mas foi assim: na presença do dia a dia, no apoio constante, no respeito inquestionável, na convivência harmoniosa, no aventurar-se a construir uma vida a dois sem modelos - e sem traumas -  que chegamos até aqui!

Se no início eu não sabia nosso status (enrolados? Namorando? Como assim?), hoje vivemos juntos e planejamos que isso seja à moda Vinícius de Moraes: “... eterno enquanto dure”. E por mim, querido, pode durar a eternidade!  Feliz ‘quatro anos’ para nós. O primeiro ‘quadriênio’ de muitos que virão! E olha só o que achei 'por ai'... 

Te amo! 


Nenhum comentário: